sábado, 18 de fevereiro de 2012


Estou a desesperar. Nunca pensei que ficar sem ti me fosse afectar tanto. Quer dizer, eu sabia que ia ser doloroso, mas não sabia que ia chegar a este ponto. Ainda nem passaram 3 dias desde que fizeste ruir o meu mundo e eu já só penso no dia em que vais voltar a chamar-me de mulher da tua vida e vais voltar a dar-me um daqueles beijos longos. Hoje até chorei quando reli as tuas mensagens, quando revi as nossas fotografias e até mesmo quando resolvi usar o teu casaco para passar este sábado enfadonho. Ainda tem o teu cheiro, sabes? E isso fez com que me viesse à memória o bom que era estar abraçada a ti e não fazer absolutamente mais nada a não ser sentir-te.
Só queria poder voltar atrás no tempo e talvez, quem sabe, ter evitado isto tudo, assim ainda poderias ser meu e eu tua. Mas, visto que isso não é possível, podias também eventualmente por o teu orgulho de lado e pedires-me desculpa pelas coisas cruéis que disseste no outro dia, o dia em que a minha vida acabou. Sinceramente não sei quanto tempo mais vou aguentar sem te ter nos meus braços.

5 comentários:

  1. Interessante...irás superar isso :D
    Estou aqui se precisares :)
    beijo@

    ResponderExcluir
  2. comecei a escrever a pouco , segue, e dá opinião ! (;
    http://isabeloliveirafreitas.blogspot.com/
    beijinhos*
    e obrigada :D

    ResponderExcluir
  3. Adoro o teu blog, realmente muito bom :)
    Sigo*

    ResponderExcluir
  4. adoro os teus textos *-*
    estou a começar um blog, queres seguir ?
    http://omeumundosemregras.blogspot.pt/
    obrigada (:

    ResponderExcluir